Anatel elimina DDD de 446 cidades do Brasil que passarão a fazer ligação local

São Paulo, 18 de setembro de 2009 – Dentro de pouco mais de 60 dias, a população de 446 localidades, entre municípios e distritos, será beneficiada com a extinção das tarifas interurbanas nas ligações para áreas vizinhas.

As alterações no regulamento sobre áreas locais para o Serviço Telefônico Fixo Comutado (STFC) foram aprovadas ontem (17/09) por unanimidade pelo Conselho Diretor da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel).

As novas regras serão publicadas no Diário Oficial da União. A partir dessa data, começa a ser contado o prazo de dois meses para adequação das operadoras. A Anatel faz uma revisão anual desse regulamento desde 2006.

“Como os municípios vão crescendo naturalmente e as cidades locais vão se aproximando, não há por que se cobrar interurbano de uma localidade para outra”, afirmou a conselheira diretora Emília Ribeiro.

Localidades de diversos Estados do país serão beneficiadas. Uma das maiores reduções de custo para o usuário virá da alteração na configuração da área local de Florianópolis, com a inclusão de localidades dos municípios de Águas Mornas, Santo Amaro da Imperatriz, Antonio Carlos e São Pedro de Alcântara.

Tarifa mais barata

Assinantes desses municípios, que fazem uso médio 100 minutos/mês em chamadas para Florianópolis, pagam atualmente R$ 0,16 pelo minuto de ligação e passarão a pagar R$ 0,10 – uma redução de 32,71%. Continue lendo

Anúncios

Samsung também anuncia smartphone com Android no Brasil

Lançado mundialmente em junho, Galaxy chegará às lojas brasileiras nesta semana, promete fabricante. Aparelho tem preço sugerido de R$ 1.799.

Algumas horas depois de a HTC anunciar nesta quinta-feira (17/9) a chegada ao Brasil de seu HTC Magic, um de seus celulares com Android, a Samsung fez o lançamento nacional do Galaxy, o smartphone da companhia que também roda o sistema operacional móvel do Google.

Também conhecido com o i7500, o Galaxy tem tela com tecnologia AMOLED (Active-Matrix Organic Light-Emitting Diode, um avanço na tecnologia OLED que consome menos energia). Além disso, o equipamento possui GPS e câmera de 5 megapixels capaz de gravar vídeo.

Oferece suporte a redes Wi-Fi, tem conexão 3G e velocidade de até 7,2 Mbps em redes HSPA (High-Speed Packet Access). O Galaxy chega às lojas ainda nesta semana e custará 1.799 reais, afirmou a Samsung.

A operadora Tim já anunciou que venderá o aparelho. A disponibilidade para as demais operadoras ainda não é confirmada pela empresa.

 

Redação do IDG Now!
18-09-2009

Brasil desenvolve satélite para pesquisa de microgravidade

São Paulo, 17 de setembro de 2009 – Pesquisadores brasileiros estão desenvolvendo um satélite para realizar experiências de microgravidade, ou seja,  em ambiente de gravidade reduzida. O equipamento está previsto para ser lançado em 2010.

O projeto foi batizado de Sara, sigla para Satélite de Reentrada Atmosférica, em desenvolvimento pelo Instituto de Aeronáutica e Espaço (IAE), um dos centros de pesquisa do Departamento de Ciência e Tecnologia Aeroespacial (DCTA), do Comando da Aeronáutica, em São José dos Campos (SP).

O Sara está sendo feito pela indústria nacional e com mão-de-obra própria, treinada e qualificada no Brasil. O projeto propõe o desenvolvimento de uma plataforma orbital para experimentos em ambiente de microgravidade, destinada a operar em órbita baixa, a 300 km de altitude, por um período máximo de dez dias.

Aplicações

No futuro, o equipamento poderá ser usado para realizar projetos de pesquisa e desenvolvimento nas mais diversas áreas e especialidades, tais como biologia, biotecnologia, medicina, materiais, combustão e fármacos, entre outros.

Outro objetivo do projeto Sara é o incremento de estruturas que possam suportar o severo ambiente de reentrada na atmosfera terrestre.

Para este fim, os quatro veículos que compõem o programa, dois suborbitais e dois orbitais, deverão alcançar gradativamente o conhecimento necessário. Continue lendo

Brasil não terá Windows 7 familiar

 

 
Postado por – Maurício Grego – 14/09/2009

 

 

Windows 7 Family Pack: oferta atraente, mas não para os brasileiros

Má notícia para os brasileiros: o pacote familiar com três licenças do Windows 7 não será vendido regularmente no Brasil.

O Windows 7 Family Pack será oferecido pela Microsoft nos Estados Unidos e na Europa. É uma oferta similar à do Office Home & Student, pacote de aplicativos vendido no Brasil por cerca de 200 reais, com licença para uso em três computadores. O Windows 7 Family Pack inclui três licenças de uso da edição Home Premium do sistema operacional. Nos Estados Unidos, vai custar 149,99 dólares. Seria uma opção atraente para quem tem mais de um micro e quer instalar o Windows 7 nessas máquinas. Seria.

Conversei com executivos da Microsoft Brasil e eles me disseram que não haverá pacote familiar no país. É uma decisão comercial, sobre a qual não quiseram fornecer detalhes. É possível que alguns brasileiros encomendem o software a alguma loja nos Estados Unidos e o usem em inglês mesmo. Também é possível que alguma loja venda a versão americana no Brasil, presumivelmente por um preço inflacionado. Mas não haverá versão em português brasileiro e o produto não será encontrado regularmente nas revendas. Assim, para a maioria dos usuários, o caminho será adquirir cópias avulsas, que certamente vão custar muito mais do que o preço do pacote familiar.

Rio de Janeiro é o estado com maior cobertura 3G do Brasil

As redes 3G das operadoras estão longe de atingir grande parte do Brasil. O Rio de Janeiro é o estado com maior quantidade de municípios atendidos pela tecnologia.

Segundo relatório da Teleco, 44,6% do estado já tem a cobertura 3G. Em segundo lugar aparece o Espírito Santo, com 29,5% dos municípios atendidos, e em terceiro vem São Paulo, com 20,2%.

No Brasil, a rede 3G está disponível apenas em 11,3% de todos os municípios. Com as operadoras disponíveis, 40% da população já tem acesso ao 3G.

A estimativa, de acordo com o relatório, é que a banda larga móvel ultrapasse a fixa em 2011, já que o número de smartphones deve crescer nos próximos anos.   

Leia mais:

Mapa wiki mostra onde tem 3G no Brasil

Escrito por Bruno Roberti às 11h47